Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Um postal do género

por Sarin, em 23.08.19

1-fdQkEf7yXhQ_OaIyFNLuPA.png

 

Tinha em formação um postal sobre a ideologia de género (sexo vs género) e o Despacho 7247/2019, que é o mesmo que dizer que as ideias se agitavam e começavam a ganhar forma de texto. Agitavam-se convulsas ao ler artigos destes, acalmavam com estes, e hoje era a madrugada em que, sentada ao computador, escreveria o postal.

Mas entre postais pausei e li o Der terrorist. [definitivamente, as pausas hoje tiveram resultados estranhos] Foi lá que descobri o artigo que vai muito mais além da análise que eu pretendia fazer à lei e às petições de gente que, talvez fruto das suas inclinações autoritárias, confunde a liberdade de escolha com a imposição de uma escolha...

 

... Vale mesmo a pena ler o artigo de João Francisco Gomes no Observador.

 

Este postal ficar-se-ia por aqui se, a propósito do mesmo tema e das mesmas gentes, não me tivesse recordado haver lido na madrugada anterior que no CDS houve quem usasse abusivamente, leia-se fora de contexto e sem autorização, um desenho de um autor japonês que já afirmou não permitir o seu uso para fins políticos - e que exigiu a sua retirada directamente ao prevaricador. Sem sucesso, que o twit lá anda contente e a multiplicar-se... [já agora, leia-se com atenção o que diz Alexandre Morais... é ler, é ler a thread toda!].

E também cabe aqui recordar algumas respostas a Laurinda Alves: uma carta aberta de uma mãe que vê na jornalista o que vê na filha e um postal de uma mãe que luta em nome do filho.

 

Pronto. Agora o postal está pronto.

 

imagem retirada do Livraria Florence

[Cuidemos de todos cuidando de nós: Etiqueta respiratória. Higiene. Distância física. Calma. Senso. Civismo.]
[há dias de muita inspiração. outros que não. nada como espreitar também os postais anteriores]

Autoria e outros dados (tags, etc)

lançado às 04:58

Onde ideias-desabafos podem nascer e morrer. Ou apenas ganhar bolor.


Obrigada por estar aqui.



5 comentários

Imagem de perfil

De /i. a 23.08.2019 às 13:00

A polémica está instalada por força da idiologia de certas franjas da sociedade que pretendem semear o caos. Começo a fase da desinformação. Comenta-se a partir de trechos de outras opiniões sem primeiro ir ler o documento e verificar se realmente é assim como lemos na opinião A ou notícia B (que também as há que em vez de informar mais não fazem que é induzir em erro quem a lê) A nossa opinião não pode estar fundamentada com ideias descontextualizadas. Devemos interpretar com inparcialidade que lemos e depois sim podemos ser parciais, ou seja, concordar ou não com a lei ou assunto mas sempre com argumentos que não deturpem a realidade do objecto em análise.
Imagem de perfil

De Sarin a 23.08.2019 às 13:07

Exactamente, /i. Neste tema como em todos...


Há mesmo quem tenha como missão a desinformação. Felizmente há sempre alguém que os contraria - mas fazem sempre estragos. :(
Imagem de perfil

De /i. a 23.08.2019 às 13:24

* imparcialidade 
(Sarin, desculpa os meus comentários apresentem erros ortográficos. A maioria das vezes comento nas geringonças dos smartphones que são tramados.)


Pois. E quando alguém tenta esclarecer já estamos fartas do tema até às pontas dos cabelos. E aí venceu quem orquestrou a campanha da desinformação. 
Imagem de perfil

De Sarin a 23.08.2019 às 13:31

Na National Geographic de há uns meses vinha uma reportagem sobre a assimilação da mentira. Resumia vários estudos sobre a mecânica da mentira, e fazia-o de forma simples. Tentarei resumir ainda mais: a primeira info a chegar é a que cria raízes. Desenraizar é difícil.
Imagem de perfil

De /i. a 23.08.2019 às 14:40

É isso mesmo. 


(*ideologia 
Vergonhosamente mais um erro no primeiro comentário. Será melhor deitar-me e levantar-me outra vez porque isto hoje não está a correr bem. )

[a palavra a quem a quer]:

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.




logo.jpg




e uma viagem diferente



Localizar no burgo

  Pesquisar no Blog



Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Cave do Tombo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D