Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



O meu 25 de Abril

por Sarin, em 25.04.18

Esta música resume o que foi

Como foi... era tão mas tão novinha que só mais tarde aprendi a letra das músicas que me embalaram.

Mas isto é o que sinto quando penso

25 de Abril,

Revolução dos Cravos,

Liberdade.

 

Das muitas canções que associo à Resistência, à Guerra, à Revolução, à Liberdade e à Esperança, e são tantas e tão fortes, esta abraça-as a todas.

Passado Presente e Futuro num canto de alegria.

Na voz de quem fez e cantou a Revolução.

Ficou perdida de quase todos. Mas nada lhe falta para ser Hino.

Ao Capitão Duarte Mendes,

Obrigada

 

Aos Resistentes,

Aos Capitães,

Obrigada, Sempre!

 

MADRUGADA

de José Luís Tinoco

 

Dos que morreram sem saber porquê
Dos que teimaram em silêncio e frio
Da força nascida do medo
Da raiva à solta manhã cedo
Fazem-se as margens do meu rio.

Das cicatrizes do meu chão antigo
E da memória do meu sangue em fogo
Da escuridão a abrir em cor
De braço dado e a arma flor
Fazem-se as margens do meu povo

Canta-se a gente que a si mesma se descobre

E acordem luzes arraiais
Canta-se a terra que a si mesma se devolve

Que o canto assim nunca é demais

Em cada veia o sangue espera a vez
Em cada fala se persegue o dia
E assim se aprendem as marés
Assim se cresce e ganha pé
Rompe a canção que não havia

Acordem luzes nos umbrais que a tarde
cega
Acordem vozes, arraiais
Cantam despertos na manhã que a noite entrega
Que o canto assim nunca é demais

Cantem marés por essas praias de sargaços
Acordem vozes, arraiais
Corram descalços rente ao cais, abram abraços
Que o canto assim nunca é demais
O canto assim nunca é demais

Autoria e outros dados (tags, etc)

Obrigada por estar aqui.



2 comentários

Sem imagem de perfil

De Não Identificado a 28.04.2018 às 16:26

Bisbilhotava um blogue de pessoa amiga e dei com dois estímulos - quase violentos - mas opostos: detesto o cheiro da lixívia e tento saudades dos meus adolescentes pirolitos! Explicado. E até achei curioso o facto de (só) aqui ver referido o Duarte Mendes, a propósito de Abril. À saída, não se sei leve isto para análise, ou não...
Cumprimentos,
jorge

Imagem de perfil

De Sarin a 28.04.2018 às 17:26

Obrigada pela visita, ainda que ao engano :)

Não tem muito que analisar: não conheço outro cantor que seja também Capitão de Abril.
Mas cantores e poetas que cantavam Abril antes de 74, muitos, de Adriano a Zeca.


E a letra do Luís Tinoco e a voz do Duarte Mendes dispensam justificações :)

a palavra a quem a quer




logo.jpg



Localizar por cá

  Pesquisar no Blog



Memórias

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.