Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Não agradeço a este coronavírus

por Sarin, em 22.03.20

... porque agradecer as lições deste abrandamento significa também agradecer as mortes, as sequelas, o sobreesforço, o receio. E eu não aceito que os fins justifiquem os meios, mesmo que disto resulte uma sociedade global mais solidária mais atenta mais equilibrada - porque as vidas perdidas e as vidas suspensas contam.

Mas não poderemos voltar ao ponto, à rota em que estávamos. Sim, o SARS-CoV-2 é um ponto de inflexão. Resta pensarmos que direcção escolheremos depois. E pensar, podemos começar já.

 

 

Não agradeço. Não, não agradeço ao coronavírus! Mas, sem agradecimentos, as mensagens são estas.

Pensemos que direcção escolheremos depois.

[Cuidemos de todos cuidando de nós: Isolamento social. Etiqueta respiratória. Higiene. Calma. Senso. Civismo.]
[há dias de muita inspiração. outros que não. nada como espreitar também os postais anteriores]

Autoria e outros dados (tags, etc)

Onde ideias-desabafos podem nascer e morrer. Ou apenas ganhar bolor.


Obrigada por estar aqui.



22 comentários

Imagem de perfil

De imsilva a 22.03.2020 às 10:41

A sociedade mais global, solidária, atenta e equilibrada, durará 10 minutos após a recuperação. A memória, infelizmente, é muito curta. Era bom, que aprendessemos alguma coisa, há tanta coisa para melhorar. Mas...não acredito. Beijinho e bom domingo. 
Imagem de perfil

De Sarin a 22.03.2020 às 10:54

Algumas serão aprendidas, im. E as correcções serão tomadas. Não serão é tomadas como gostaríamos, talvez... vê a banca a querer ganhar com as linhas de crédito de emergência, vê os níveis de poluição, vê o Trump a querer a vacina em exclusivo, vê os cidadãos desorientados com o abastecimento, vê o teletrabalho, veremos as comunicações e os alimentos e os sistemas de saúde...
Muito mudará, im, mas não espero a fraternidade entre todos os homens.
Beijo
Imagem de perfil

De Maria a 22.03.2020 às 11:56

Espero que sim , Sarin.  Que se mudem comportamentos e excessos. 
 Bom domingo.
Beijos
Imagem de perfil

De Sarin a 22.03.2020 às 13:12

Forçosamente, mudarão. Resta-nos desejar que mudem os mais importantes, Maria. Façamos por isso.
Beijos, bom domingo e cuida de ti
Imagem de perfil

De Nala a 22.03.2020 às 15:27

Quero acreditar que todas estas mortes e o que daí advém não seja por acaso... que aprendamos a valorizar, a ser solidários e a tratar uns dos outros. 


Vamos ver... não sei se mudaremos todos mas muitos mudarão! De certeza!
Imagem de perfil

De Sarin a 26.03.2020 às 17:55

Muitos mudarão, e certamente que muito mudará nos regimes, também.
Não sei é se os que mudarão serão suficientes, face aos que não mudarão, para que os regimes mudem no sentido da maior equidade.
A solidariedade vai depender dos eleitores, Nala. Porque é a finança que (ainda) manda no Mundo, e as finanças só poderão ser redireccionadas quando os regimes forem regimes para os cidadãos e pelos cidadãos, não esta coisa amorfa de políticos de um lado e cidadãos alheados e desinteressados do outro.
Imagem de perfil

De /i. a 22.03.2020 às 16:08

Pois agradecer, quando lhe morrer algum familiar será que também agradece ou ficar desesperada por cuidados médicos (porque as outras maleitas não ficaram de quarentena) e não ter na urgência desejada, também vai agradecer?... Irra que falta de senso. 
Imagem de perfil

De Sarin a 26.03.2020 às 18:01

O problema das boas mensagens é, tantas vezes, serem insensíveis na forma como as passam. E muitas vezes são insensíveis porque as pessoas também o são - as tais pessoas que se preocupam com o ambiente e são contra os combustíveis fósseis ou contra a carne de vaca mas que se estão marimbando para a subsistência dos trabalhadores de tais indústrias, motivo pelo qual falam em "acabar já" em vez de exigirem reconversão gradual, que as alternativas hão-de surgir pois eles até comem algas que vêm do Japão em barcos (movidos a carvão, certamente!) ... 
Uma insensibilidade que os leva a frases tontas em mensagens importantes. E é pena, porque as mensagens estão ali, no discurso, mas a insensibilidade agonia.
Imagem de perfil

De Maria Araújo a 22.03.2020 às 16:20

Um bom vídeo.
Mas começamos a ver que a banca já anda atrás de nós para "ajudar".... a afundar-nos mais.
As facilidades são sempre para os grandes.
O pequeno fica pior do que estava( também é uma verdade que estes deram um passo maior que a perna e agora vão ficar aflitos sobre o que fazer à vida).
Beijinho
Imagem de perfil

De Sarin a 26.03.2020 às 18:10

O vídeo tem, para mim, um grave problema, Maria: a insensibilidade de agradecer por uma doença que já matou milhares em 3 meses, que irá deixar sequelas ainda desconhecidas nos recuperados, que rebentou com os sistemas de saúde de vários países - e há mais doenças além da COVID19! - enfim, concordo com a mensagem de fundo mas deploro, acho mesmo terrível, a sua construção.


E sim, a banca quer meter o dente pois é só disso que a banca vive. E ainda se espantam por eu ser a favor de algumas nacionalizações! Só não percebo para que temos uma CGD - deveria ser o único banco no processo, para cumprir as regras determinadas pelo Governo. Os outros teriam de as seguir, ou estariam fora de quaisquer processos que implicassem financiamentos públicos. Mas não, pagamos e continuaremos a pagar enquanto nós, cidadãos, não abrirmos os olhos e percebermos TODOS que a política não é um assunto dos políticos mas nosso.
Beijocas, mantém-te segura :**
Imagem de perfil

De Maria Araújo a 26.03.2020 às 18:36

Quando vi o vídeo,e outros que já chegaram até mim,  fico contente por ver, também,como o ambiente está a ficar  leve e agradável aos nossos olhos e à nossa vida.
Mas à custa de muitas vidas que sucumbem.
Depois disto, tudo voltará a ser  igual.
Já vimos que na China a  vida recompõe-se, depressa esquecem, as pessoas  sabem que o vírus ficará, apenas temos de nos adaptarmos a ele,um dia,com vacinas ou medicamentos.
Oxalá o homem acorde e seja ele a adaptar-se ao ambiente.
Imagem de perfil

De Sarin a 29.03.2020 às 00:51

Ainda acredito que muito mudará, Maria.
Apenas não mudará como gostaríamos. Nem tão depressa.
Beijocas, cuida-te
Imagem de perfil

De Luísa de Sousa a 22.03.2020 às 16:45

Acredito que sairão algumas lições e que mudaremos alguns hábitos que nos iriam destruir!!!
Beijinhos Sara
Boa Semana
Imagem de perfil

De Sarin a 26.03.2020 às 18:13

Tenho a certeza de que sairão muitas lições, Luísa. Temo que não sejam devidamente aprendidas, e temo que nós, cidadãos, continuemos maioritariamente alheados e a permitir que os políticos e a finança façam o que querem.
Beijinhos, Luísa, cuida-te (e um beijinho muito virtual à Clarinha, que vi de relance nas fotos de hoje - já lá volto com calma ;))
Imagem de perfil

De Sarin a 26.03.2020 às 21:21

:*
Imagem de perfil

De O ultimo fecha a porta a 22.03.2020 às 20:58

este vírus serve acima de tudo para refletirmos sobre o peso que as diferentes coisas (emocionais, amizades, luxos, materiais) têm na nossa vida. Porém, quando "normalizar" (e espero que seja o qto antes), não tenho dúvidas que tudo vai voltar ao antigamente, para o bem e para o mal.
Imagem de perfil

De Sarin a 22.03.2020 às 21:17

Nem tudo voltará, Último. Há políticas que terão de ser revistas, há modelos que serão reavaliados, há métodos que serão questionados. Não teremos um Novo Mundo, mas teremos uma inflexão. Resta saber que valores terão mais força, os da coesão ou os da especulação.
Imagem de perfil

De O ultimo fecha a porta a 22.03.2020 às 21:20

não estou muito otimistas nesse aspeto ...
Imagem de perfil

De Sarin a 22.03.2020 às 21:44

Não estou muito optimista, mas tenho certeza de que os dirigentes que pensam e que estão à frente de algumas nações e de algumas organizações supra-nacionais perceberam que há modelos que urge rever. A minha falta de optimismo é sobre como irão proceder, se com base na racionalidade e usando medidas no médio e longo prazo ou se com base no populismo e apresentando medidinhas de consumo imediato.
Incluo o Reino Unido, excluo os EUA e o Brasil - excluo os seus actuais governantes, não excluo a capacidade de entendimento dos seus eleitores.
Imagem de perfil

De Mariali a 22.03.2020 às 23:25

Compreendo, Sarin... Agradecer, na verdade, é difícil, quando ainda há atitudes e situações que não imaginamos que nos poderão afectar... 
Mas espero que a maioria aprenda, melhore, se encontre.
Boa semana. Saúde🍀
Imagem de perfil

De Sarin a 26.03.2020 às 18:15

Sim, não tenho dúvida de que tal acontecerá. Mas de nada adiantará se nos encontrarmos mas não defendermos uma cidadania mais activa - quem decide continuará a decidir e a nós resta-nos caminhar ao som da música que tocarem. Como antes :(


Já quanto à mensagem, este é um exemplo perfeito de como os fins podem ser excelentes mas os meios estragarem a pintura :)

[a palavra a quem a quer]




logo.jpg




e uma viagem diferente



Localizar no burgo

  Pesquisar no Blog



Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Cave do Tombo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D