Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



desafio de escrita dos pássaros #17

por Sarin, em 10.01.20

[Tema #17: Luz e sombra]

Diet Wiegman.jpg

O reverso

Dói-me o verbo. O dia luz claro de chuva preguiçando nos beirados e o relógio alimenta as sombras que devoram as horas com ritmo de poesia ferida. Nem uma luminosa ideia que se espraie no sombrio ocaso da tela nua, nem sombra de palavra que exsude cor no negro teclado que miro.

Não percebo. Costumam sair como que dançando, puxando-se... empurrando-se, até! penso alto, sem me aperceber da tua atenção. A luz do teu riso ofusca o monitor, Cansaço, chama-se cansaço, dizes sorrindo, os teus olhos escurecendo em contraponto. Nunca gostaste de escrever por encomenda, as sombras a surgirem na tua voz, são já muitas semanas a voar... soam densas, essas sombras - tão densas como a fria razão. Sim, está na hora de pousar, compreendo, e nesta assombrosa certeza nasce-me luz no verso obscurecido. 

Porque o voo iluminou as minhas velas desfraldadas, mas o tempo foi-me lastro preso e de cada cor arranquei sombras. As mesmas sombras onde nasce já o brilho de outros verbos.

 

Sombras são luz que fenece.

Sombras são luz emergindo.

A luz é também as suas sombras

- Hiroxima, meu amor, Hiroxima.

E apenas o nada é definitivo.

 

Nota e roda sem pé: o AO90 não faz luz nem lança sombra, antes assombra a Língua Portuguesa.

imagem: Diet Wiegman

Vídeo: Shadows

do álbum Lindsey Stirling (2012)

Música e Dança: Lindsey Stirling

 

 

 

 

[Desafio de Escrita by Pássaros]

 

Este é o último texto deste Desafio de Escrita dos Pássaros.

O meu voo tem aqui o seu fim. Agradeço a quem me acompanhou, voando a meu lado ou acenando a cada bater de asas. Pouso agora nas águas e sigo navegando, desejando bons voos a quem continua e relembrando que os Pássaros aguardam inscrições - o bando prossegue viagem a 31 de Janeiro.

Que a inspiração nos eleve e a escrita nos acompanhe nas rotas que escolhermos.

 

[Cuidemos de todos cuidando de nós: Etiqueta respiratória. Higiene. Distância física. Calma. Senso. Civismo.]
[há dias de muita inspiração. outros que não. nada como espreitar também os postais anteriores]

Autoria e outros dados (tags, etc)

Onde ideias-desabafos podem nascer e morrer. Ou apenas ganhar bolor.


Obrigada por estar aqui.



47 comentários

Imagem de perfil

De Belinha Fernandes a 10.01.2020 às 16:27

Eu bem disse que este tema se prestava a criações poéticas e que eu tinha estragado tudo por cansaço. Mas tu...safaste-te! Belo filme o Hiroxima, meu amor, um dos meus clássicos favoritos, um grande exercício sobre a memória e a superação das cicatrizes das grandes tragédias, ou seja é, afinal, sobre esperança. E também sobre como a arte é capaz de as olhar e reconstituir. ( Ou seja, de como na maior escuridão ainda é possível encontrar sementes de luz.) Vi no Tivoli, no Porto, com debate, creio que foi no âmbito do Fantasporto. Pois, voamos bem e agora é tempo de pousar, comer muitas e boas sementes, alinhar as penas em beleza! Doravante, estarei em terra. Tenho ovos novos para chocar que precisam da minha atenção. LOL! Adorei termos cruzado voos! Um abraço.
Imagem de perfil

De Sarin a 11.01.2020 às 22:28

Prestava, sim, mas acredita que foi o que mais tempo me tomou - não apenas pelo cansaço e pela obrigação, esta época do ano deixa-me com vontade de hibernar socialmente, o que inclui escrever pouco e navegar menos. Costuma passar em meados do mês :)


A menção ao Hiroxima, meu amor (nem me lembrei do filme, antes do livro da Duras) surge pela história das sombras e da luz nelas nascida, sim - e a repetição da palavra, pela mais brilhante luz que em segundos mergulhou a cidade, e a nossa percepção das guerras, nas mais tenebrosas sombras.


Sinto-me bem nas águas que navego, umas frias e profundas outras calidamente remansosas e algumas desconhecidas. Voar é tarefa para pássaros - não nasci gaivota, antes marinheira e por vezes sereia (mas não como as de Odisseu)
Dedica-te aos teus ovos (estou ansiosa, vizinha!) e espero que continues a aparecer.
Entretanto, até já - este fim-de-semana tenho como objectivo colocar a leitura do Desafio em dia. Como disseste antes, é o mínimo :)
Beijos num abraço
Imagem de perfil

De Rui Pereira a 10.01.2020 às 20:13

Ok. Muito bem!
E muito bem ilustrado/musicado com a incrível Lindsey Stirling!
Imagem de perfil

De Sarin a 11.01.2020 às 22:41

Olá, Rui!
Isto por aqui anda apagadito, mas acredita que me soube muito bem este postal :)
E sim, a Lindsey Stirling é uma virtuosa do violino, excelente compositora, bonita e sabe dançar. Embora tecnicamente tenha algumas insuficiências que  facilmente seriam elididas com recurso a outros passos, consegue quadros belíssimos - e é isso que mais interessa :))
A ilustração... já por cá deixei, ou talvez no Rasurando, obras do Tim Nobles e da Sue Webster, agora calhou ao holandês - fascina-me a arte com que das sombras fazem a peça central de cada obra. O tema estava mesmo a pedir - e estas 17 semanas já me pesavam como os céus a Atlas ;)
Imagem de perfil

De imsilva a 10.01.2020 às 21:02

Se é uma despedida do desafio, é em grande, como aliás foi o princípio e o meio. 
Imagem de perfil

De Sarin a 11.01.2020 às 22:49

É uma despedida, sim, im. Subjugar-me a um tema não foi difícil - mas foi demasiado tempo, e contar as palavras cortou-me a espontaneidade de pegar no telemóvel e escrever. Como sabes, deixamos sempre um pouco de nós naquilo que escrevemos, mas nesta época do ano fico pouco expansiva e isso torna-me avara na escrita :))
Obrigada pelas tuas palavras.
Beijocas, e até já 
Imagem de perfil

De /i. a 10.01.2020 às 22:37

Terminaste em grande o desafio, Sarin
(Pode ser que ainda reconsideres e escrevas pontualmente em desafios únicos, és irrequieta )





Imagem de perfil

De Sarin a 11.01.2020 às 22:55

Olá, /i.
Sou irrequieta, sim, e não me negarei a desafios pontuais (desde que não sejam aqueles desafios de ora-fala-lá-de-ti e manda-para-outros!) - ênfase no pontuais :))


Obrigada pelas palavas e obrigada por apareceres mesmo quando te deixo de resposta pendurada. Beijos, até já :)
Imagem de perfil

De /i. a 12.01.2020 às 11:50

Eu tenho vertigens... Não posso estar muito tempo pendurada. 
 
Estou a brincar. (Mas, realmente tenho vertigens... )


Beijinhos 
Imagem de perfil

De Sarin a 12.01.2020 às 12:02

Então terei atenção - não mais de 6 meses, penso que é razoável... :D


Não tenho, mas por vezes incomoda-me a altura a que se colocam expectativas - para não falar nas fasquias de incompetência e maldade que vamos encontrando :))))
Boa sorte com isso - deve ser terrível :(
Beijocas
Imagem de perfil

De /i. a 12.01.2020 às 12:47


Olha que fico roxa... 


Sim. Isso é tramado. Se há maldade e incompetência em todo o lado... na blogosfera não podia faltar. 
Deixa-os andar que eles ou elas logo se cansam...
Imagem de perfil

De Sarin a 12.01.2020 às 13:01

Ah, referia-me "a todo o lado", que aqui na blogosfera são relativamente fáceis de evitar :)))
Imagem de perfil

De Maria a 11.01.2020 às 01:44

Uma despedida em apoteose!


Beijos , Sarin.:)
Imagem de perfil

De Sarin a 11.01.2020 às 22:59

Olá, Maria!
Obrigada, pelas palavras sempre carinhosas com que acolhes os meus postais e pelo espírito crítico que tantas vezes usas nas nossas conversas :)
Beijos, até já que conto retomar a navegação por aqui, por aí... por cá.
Imagem de perfil

De Mariali a 11.01.2020 às 13:20

Que beleza, Sarin... Gosto mesmo de te ler...
Inquieta-nos e ao mesmo tempo preenche-nos ou sei lá...  
Parabéns! 
Imagem de perfil

De Sarin a 11.01.2020 às 23:09

Agradeço-te, Mariali, o teres acompanhado este meu voo pela escrita que, sendo minha, não é o meu normal aqui pelo burgo.
E agradeço-te a apreciação e as palavras - dizeres que a minha escrita, ainda que criativa, inquieta, é um dos melhores elogios que poderia receber! Detestaria ter uma escrita que nada mais provocasse além de um ou outro "ah, olha, que texto bonitinho" - sabes que escrevo para mim mas publico para provocar debate, mas a escrita criativa em menos de 400 palavras é pouco dada a debates.. então que provoque alguma coisa, e inquietação é excelente :))
Beijocas, até já
Imagem de perfil

De júlio farinha a 11.01.2020 às 15:01

O teu talento não tem quem te ensombra, Sarin. Beijos e não nos deixes, nunca.
Imagem de perfil

De Sarin a 11.01.2020 às 23:19

Olá, Júlio! Obrigada pelas tuas amabilíssimas palavras, ainda mais porque te sei dado à leitura dos clássicos e às profundas do pensamento.
Não conto abandonar a escrita nem a blogosfera, apenas não continuarei a voar semana após semana por temas que não são meus. A criatividade pode ser orientada, mas o tempo cansa-a e faz da orientação uma prisão -  definha em cativeiro.
Esta época também não ajuda, mas felizmente é uma pequena época e não eternidade :))
Beijos, até já
Imagem de perfil

De júlio farinha a 11.01.2020 às 23:53

Olá, Sarin. Acredita que te tenho em mais alta estima e consideração. Aqui que ninguém nos ouve confesso que és a minha interlocutora preferida. Senhora de uma escrita riquíssima voas alto sem caír. Prezo como tu o bom senso de escolher escrever por consentimento próprio, mas há assuntos que abordas que estão para lá das minhas aptidões. Por isso não te comento mais vezes. Não me sinto  àvontade, reconheço. Sinto também falta de ler mais assiduamente, pelas mesmas razões, a Gaffe e a naomedeemouvidos. 
Não te deixes aprisionar por nada nem por ninguém. Também admiro a tua autonomia. Beijos. Até sempre, nem que o sempre nos pareça curto.
Imagem de perfil

De Sarin a 12.01.2020 às 13:09

Obrigada, Júlio, também aprecio os nossos debates e as ideias nem sempre concordantes que trocamos :)
Nunca deixes de questionar, mesmo que te não sintas confortável no tema - o pouco domínio do mesmo pode provocar perguntas e reflexões muito pertinentes :) Até na dança!


A nãomedeemouvidos encerrou as portas. Por agora, pelo menos. E a Gaffe anda silente. Tenho muitas saudades de as ler!


Que escrevamos sempre livremente, e que o sempre nos dure :)
Beijos
Imagem de perfil

De Maria Araújo a 12.01.2020 às 21:15








Lamento de deixe de escrever, acho que os seus textos são belos, poré, não chega a todos, como eu e por isso faço minhas as palavras do Júlio Farinha, sobretudo nisto:
" mas há assuntos que abordas que estão para lá das minhas aptidões. Por isso não te comento mais vezes. Não me sinto  à vontade, reconheço."
Foi uma surpresa a naomedeemouvidos ter-nos deixado.
Adorava lê-la.
Quanto à Gaffe,  ela sabe o que sinto.
Beijinho
Imagem de perfil

De Sarin a 12.01.2020 às 21:35

Obrigada, Maria, pelas tuas palavras (decidi começar a tratar-te por tu. Lemo-nos e acompanhamo-nos há algum tempo, mais tempo do que a alguns bloguistas com quem uso tal tratamento... aproveitemos o início do ano, e tutuemo-nos, que tal? :))


Não deixarei de escrever e, entre os muitos textos de opinião e as danças e as músicas que de quando em vez aparecem neste burgo, talvez vá publicando alguns dos escritos que escrevo só para mim em pedaços de folhas que perco por aí. Além disso, e como diz a /i., é provável que adira a um ou outro desafio. Mas foi muito tempo a subjugar-me ao pc, à contagem de palavras e a temas que não meus. Tivesse tido metade da duração e, após uma pausa, talvez continuasse no segundo desafio, mas assim foi demasiado e coincidiu com uma época que me exige muito, profissional e pessoalmente.
Como disse ao Júlio, nunca deixes de comentar apenas por receio de não dominares o tema - eu também não domino os temas que comento, alguém dominará? :)


Quem escreve por pulsão da escrita sabe que as pausas e o silêncio são tão prementes como escrever - não é por acaso que não costumo publicar os meus devaneios poéticos.
A Não me dêem ouvidos voltará um dia, assim o desejo e acredito.
E a Gaffe sabe o que sentimos.
Beijos, Maria, até já
Imagem de perfil

De Maria Araújo a 12.01.2020 às 23:31


Contrariamente à Sara, se não participasse no desafio não escreveria nada, até porque não acho que escreva algo de jeito e a inspiração falta, muitas vezes.

Gosto mais de ler e comentar e mesmo que eu tenha qualquer coisa para contar no blog, o tempo que dedico ao pc está agora em segundo plano, tenho prioridades familiares, nem sempre apetece escrever.
Mas entendo-a e respeito e sei que as pausas, e sobretudo o silêncio, são importantes. Também os  tenho, embora não tenha arte  para devaneios poéticos.
Vou aparecendo por aqui.
Uma boa noite.


Beijinho














Imagem de perfil

De Sarin a 13.01.2020 às 00:22

Tenho muito gosto em aportar no Cantinho sempre que as marés me permitem navegar - por aqui, o burgo nem sempre está em festa, mas só por motivo de força maior ficará sem chama.
Beijos, e boas aventuras com o sobrinhito - são tão giros quando descobrem o mundo :))
Imagem de perfil

De redonda a 13.01.2020 às 16:43

Ler, fez-me pensar em pinturas, gostei muito, muito deste texto
um beijinho
Gábi
Imagem de perfil

De Sarin a 14.01.2020 às 09:45

Sombras e luz lembra imagem - e tu vinhas inebriada pelo cheiro das tintas no teu bonito postal :)
Obrigada, Gabi. Beijocas
Imagem de perfil

De Charneca em flor a 14.01.2020 às 23:02

Tenho muita pena de que não continues a participar no desafio mas compreendo o que dizes. Algumas  vezes foi difícil cumprir. Amanhã saí um post no "Voo da Garça" que responde ao teu comentário no meu texto do último tema. Está atenta
Imagem de perfil

De Sarin a 15.01.2020 às 01:04

Foi difícil, principalmente os últimos. Este texto teve os versos definidos assim que li o tema. As frases que os antecedem é que foram difíceis de encontrar - não sabia o que dizer, e logo num tema com tantas possibilidades! Quando percebi que podia escrever exactamente sobre o Desafio, o texto fluiu :)))


Estarei atenta, sim :)
Beijocas
Imagem de perfil

De José da Xã a 15.01.2020 às 19:07

"Quer-se" dizer que vais deixar-me sozinho contra esta passarada toda?
Tenho pena que abandones o projecto.
A tua escrita é tão...escrita
Percebes?
A gente lê-se por aí na mesma.
Um beijo muito grande do tamanho que a tua imaginação conseguir alcançar.
Imagem de perfil

De Sarin a 15.01.2020 às 19:59

Continuarei a escrever, e talvez publique um ou outro texto daqueles que me nascem e morrem em papéis perdidos.
Mas não ficas sozinho, haverá mais cucos :)
E não penses que te escapas aos meus comentários :)))


Obrigada, José. Não sei se percebo, mas acho que sim :)
Beijos, a gente continua a ler-se por aí :****

[a palavra a quem a quer]


Pág. 1/2




logo.jpg




e uma viagem diferente



Localizar no burgo

  Pesquisar no Blog



Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Cave do Tombo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D