Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Companhia Nacional de Bailado solidária

Um pequeno contributo para quem faz muito - a favor da Fundação Portuguesa de Cardiologia

por Sarin, em 08.10.19

D5CDAE84-4CA7-49BD-895E-59236418B833.png

Não sou de Lisboa. Não vivo em Lisboa. Nunca quis viver em Lisboa.

Mas há dias em que o lamento.

O dia 9 de Outubro será um desses dias.

Porque a Companhia Nacional de Bailado abrirá à solidariedade as portas do Teatro Camões, no Parque das Nações. Será um Ensaio Geral do espectáculo "Hans van Manen". E um ensaio geral é uma espécie de ante-estreia, um ensaio com tudo no lugar: fatos orquestra bailarinos cenários... e, no caso, espectadores. Que, doando um mínimo de 12€ à Fundação Portuguesa de Cardiologia, poderão assistir a um ensaio que é um espectáculo. Leiam este "espectáculo" como nome e como adjectivo - é ambos, ou não falássemos da CNB a dançar coreografias de van Manen. Sim, a nossa Companhia Nacional de Bailado, que tem bailarinos nacionais galardoados lá fora e que tem bailarinos estrangeiros galardoados lá fora que se sentem em casa entre nós. Recordem estas estrelas.

Suponho não ser necessário apresentar a bem conhecida Fundação Portuguesa de Cardiologia. Mas nunca é demasiado salientar a importância das suas acções de prevenção e rastreio das doenças cardiovasculares, a primeira causa de morte em Portugal. Será sempre bom recordar a importância do seu trabalho no tratamento e reabilitação de doentes, porque a doença pode matar, sim, mas há quem ensine a controlá-la e a viver com ela. A viver apesar dela.

E nunca será demasiado o apoio que damos a estas gentes, a estas pessoas, a estas causas.

Poderão encontrar pormenores no sítio da FPC, acima ligado, ou na sua página do Facebook.

 

Para não haver dúvidas quanto ao teor deste postal, informo que nada tenho a ver com a Fundação Portuguesa de Cardiologia - mas pediram-me a divulgação, e eu não poderia recusar. Nem quereria. Porque gosto de bailado e gosto da CNB. Porque sei o que é o trabalho sem fins lucrativos e aprecio o esforço da FPC. E porque a Saúde Pública é também responsabilidade minha. Porque me afecta, porque a afecto. Por isso escrevo este postal, e por isso vos agradeço terem-no lido sabendo ao que vinham.

 

Aos que puderem contribuir mesmo não indo, tenho a certeza de que a Fundação agradece a vossa ajuda. Eu sei que agradeço.

Aos que puderem ir, saibam que não vos invejo. Mas pudesse eu e trocaria de lugar convosco num ápice! Se tiverem pena de mim, venham contar como foi. Ou, vá, escrevam um postal.

 

Deixo-vos um relance de Hans van Manen. Os créditos estão todos no filme.

 

[Cuidemos de todos cuidando de nós: Etiqueta respiratória. Higiene. Distância física. Calma. Senso. Civismo.]
[há dias de muita inspiração. outros que não. nada como espreitar também os postais anteriores]

Autoria e outros dados (tags, etc)

lançado às 15:10

Onde ideias-desabafos podem nascer e morrer. Ou apenas ganhar bolor.


Obrigada por estar aqui.



30 comentários

Imagem de perfil

De O ultimo fecha a porta a 09.10.2019 às 22:34

um espetáculo solidário, sendo o mais importante a mensagem!
Imagem de perfil

De Sarin a 09.10.2019 às 23:23

É mesmo, Último.
Um bonito gesto da CNB em prol de uma obra meritória.

[a palavra a quem a quer]




logo.jpg




e uma viagem diferente



Localizar no burgo

  Pesquisar no Blog



Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Cave do Tombo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D